Definições
Exames
Terapias
Códigos CHBPM/AMB
Localização
Contato

NUCLEVEL - Medicina Nuclear de Cascavel

Definições
Medicina Nuclear: especialidade médica que utiliza radiofármacos para exames de diagnóstico e tratamento.
Radiofármacos ou radiotraçadores: substâncias radioativas (radioisótopos) eventualmente ligadas a compostos não-radioativos, utilizadas em tratamentos e exames denominados cintilografias. Não são contrastes e dificilmente causam reação alérgica.
Cintilografia: qualquer exame de Medicina Nuclear, se caracterizam pela baixa dose de radiação (inferior a dos exames radiológicos), por fornecerem dados funcionais e metabólicos.
Gama-Câmara: nome do aparelho utilizado em Medicina Nuclear, é um detetor de radiação gama, que inversamente aos métodos radiológicos, emana do próprio paciente. Tem um cristal em seu interior que cintila (daí o nome cintilografia), gerando a imagem.
Spect (tomografia por emissão de fóton único): tipo de gama-câmara avançada, com capacidade tomográfica, também pode se referir a cintilografia com técnica tomográfica (muito usada para exames do coração e cérebro, por exemplo).
PET: tomografia por emissão de pósitrons: tipo especial de aparelho de Medicina Nuclear capaz de visualizar pósitrons (elétrons positivos, anti-matéria).
Gama-Probe: Aparelho de Medicina Nuclear utilizado para cirurgia radioguiada em mama, melanoma, etc.
Tipos de exames: permite avaliar de forma não invasiva coração, tireóide, ossos, mama, cérebro, rins, refluxo gastro-esofágico, pesquisas de corpo inteiro, etc.
Terapia: câncer de tireóide, hipertireoidismo, metástases ósseas de tumores de próstata, mama, pulmão, etc, carcinoma hepatocelular, etc.
Principais Isótopos Radioativos: Tc99m, Iodo-131, Iodo-123, Tálio-201, Gálio-67, Flúor-18.
Copyright® NUCLEVEL - Todos os direitos reservados